Câmara: Quatro projetos remanescentes de 2016 são aprovados em segunda votação

Na segunda sessão ordinária do ano, a Câmara de Vereadores de Anápolis aprovou, em segunda votação, quatro projetos de lei remanescentes ainda do ano de 2016. As matérias, inclusive, foram de autoria de vereadores que não fazem parte desta 18ª legislatura da Casa.

Da autoria do ex-vereador Vespasiano dos Reis, três projetos: o que visa celebrar convênio com o estado para implantação do programa segurança virtual; sobre o que visa permitir o aleitamento materno nos ambientes públicos e privados e o que concede título de utilidade pública à Escola Paroquial São Cristóvão. Este último foi aprovado em segunda votação por unanimidade e os demais com algumas objeções.

Sem autor definido, o último projeto de lei do ano passado discutido em plenário foi o que visa implementar a creche noturna. A matéria também foi aprovada em segunda votação com quatro objeções. Todos agora seguem para o parecer do executivo.

Grande Expediente

O grande expediente também foi usado por alguns vereadores. Vilma Rodrigues defendeu a sua intenção da implantação de uma creche para idosos compartilhando que o vereador Valdete Fernandes tem a mesma intenção.

Já Leandro Ribeiro, considerando o recente caso de latrocínio do jovem Donato Gontijo, sugeriu a criação de uma comissão para cobrar da Secretaria de Segurança Pública mais segurança para a cidade. A intenção foi compartilhada por Jakson Charles.

Ademais, alguns deles, considerando o início da legislatura, simplesmente usaram do grande expediente para agradecer o acesso à Casa, a exemplo de Luzimar Santos, Teles Júnior e Geli Sanches.

 

 

 

Notícias Relacionadas