Deputado afirma que governador quer “acabar com os servidores públicos”

O deputado estadual peemedebista Bruno Peixoto usou a tribuna da Assembleia Legislativa para tecer críticas ao Governo de Goiás e – em especial – ao chefe do Executivo, Marconi Perillo (PSDB). O motivo: a política implementada contra os servidores públicos estaduais.

O parlamentar elencou diversas medidas que foram tomadas pelo atual Governo desde 2014, como o não pagamento da data-base, somadas com a retirada de direitos históricos. Peixoto ainda disse que houve uma “perseguição” a funcionários públicos. “Isso comprova que o governo quer acabar com a honra e a moral dos servidores”, disse.

“Não é de hoje que este governo vem promovendo estes absurdos contra os servidores públicos estaduais. É um absurdo o governador querer acabar com esses benefícios que os servidores conquistaram com muito trabalho. Nesta semana foram os servidores da Educação e os professores que foram atacados com o fim das subsecretarias de Educação em Goiás. Quem serão as próximas vítimas deste governo que quer acabar com os servidores de qualquer forma?”, questiona.

Notícias Relacionadas