PGR arquiva representação contra Gleisi por entrevista à Al Jazeera

A Procuradoria-Geral da República arquivou representação contra a senadora e presidente do PT, Gleisi Hoffmann (PR), por entrevista concedida à rede de TV AL Jazeera, do governo do Catar, falando sobre a prisão do ex-presidente Lula.

Segundo o vice-procurador-geral da República, Luciano Mariz Maia, “o que foi dito pela presidente do PT, senadora é um discurso político, em legítima manifestação de seu pensamento e de sua opinião. Sua manifestação não caracteriza conduta típica, punível e culpável, em nenhuma das inúmeras hipóteses veiculadas nas normas supra transcritas. Nem em qualquer outra norma”, escreveu.

“Havendo prova de não ocorrência de qualquer fato típico, punível e culpável, por se estar em situação de exercício legítimo da liberdade de expressão e de pensamento, determino o arquivamento desta Notícia de Fato”, completou.

O caso chegou à PGR pelo deputado Major Olímpio (PSL-SP), sob argumento de que a petista teria cometido crime contra a segurança nacional em sua fala.

Notícias Relacionadas