Por 6 a 5, STF nega Habeas Corpus preventivo do ex-presidente Lula

O Supremo Tribunal Federal negou por 6 votos a 5, o Habeas Corpus preventivo do ex-presidente Luis Inácio Lula da Silva no caso Triplex. O voto de desempate, dado pela presidente do STF, Carmén Lúcia, foi  quase a 1 hora da manhã desta quinta-feira (5). Foram quase 11  horas de sessão.

Outros ministros que votaram contra foram: o relator do HC, Alexandre Fachin, Alexandre de Moraes, Luis Roberto Barroso,  Rosa Weber e Luis Fux. A favor do Habeas Corpus votaram: Gilmar Mendes, Dias Toffoli, Ricardo Lewandowski, Marco Aurélio Mello e o decano da corte, Celso de Mello.

Agora, o ex-presidente tem possibilidade de apresentar um último recurso ao TRF-4 acerca do caso. Este prazo se encerra na próxima segunda-feira (9).

Notícias Relacionadas