Prefeito Roberto Naves (PTB) oferece menor reajuste da história para professores e Sindicato sinaliza mobilização

O prefeito Roberto Naves (PTB) foi na contramão do reajuste do piso dos professores para 2018 e ao invés dos 6,81% anunciados pelo Ministério da Educação, quer repassar somente o índice da inflação de 2,95% à classe em janeiro. O Sindicato dos Professores da Rede Municipal de Ensino – o Sinpma – confirmou que a oferta foi dada em reunião entre a direção do Sindicato com o prefeito nesta terça-feira (16).

De acordo com o Sinpma, a justificativa do prefeito é a de que as contas da administração municipal estão acima do limite prudencial e esse percentual é o que a Lei de Responsabilidade Fiscal permite. Para a presidente, Márcia Abdala, a expectativa com relação à reunião foi frustrada. “O índice deste ano é o mais baixo desde a criação do Fundeb”, lembrou.

De acordo com a sindicalista, esta intenção do prefeito será levada, em assembleia, ao conhecimento dos professores para deliberação na próxima quinta-feira (18) na sede do sindicato, às 17 horas. Convidando os professores para o ato, ela sinalizou possibilidade de mobilização dos professores. “Buscaremos a melhor solução para nossa categoria e se preciso for, fecharemos as ruas para mostrar a nossa força e nossa importância no processo educacional do município”, destacou a sindicalista.

Notícias Relacionadas